sábado, 2 de março de 2013

Oferenda






Oferenda
Wilson Guanais

Este coração torto
enraizado até o caroço
no magma do instante
é a única asa que tenho.




3 comentários:

Maria Luiza disse...

Por pouco que não colei notas musicais no meu coração de madeira. Se eu tivesse colado ficaria lindo como esse seu! Adorei esse aspecto de sépia! Parabéns! Abração!

Rosana Remor disse...

QUE COISA MAIS LINDA!E ESTE POEMA...SUSPIROS!BJS.

carol guezdan disse...

Quanta sencibilidade num coração singelo,contem toda a doçura da simplicidade de um abraço carinhoso,e esses versos maravilhosos!!
beijinhos mil.

Postar um comentário